Luiz Lopes comemora permanência do Banco Postal em Jaçanã

Após travar uma luta pela permanência do Banco Postal dos Correios, da cidade de Jaçanã (RN), o ex-candidato a vereador e radialista Luiz Lopes comemorou, por meio das redes sociais, a permanência do serviço na cidade. A princípio, o serviço de Banco Postal deixaria de ser ofertado pelas agências dos Correios de Jaçanã, Coronel Ezequiel, dentre outras cidades do interior do Rio Grande do Norte.

“O apelo popular foi ouvido e Jaçanã, assim como Tangará, não perderá mais os serviços do Banco Postal. [...] Fomos informados nesta manhã por um funcionário dos Correios que o Banco Postal de Jaçanã e Tangará será mantido. Uma conquista do povo que não se calou e reivindicou seus direitos”, comemorou o radialista.

O Banco Postal é a marca dos Correios que designa sua atuação como correspondente na prestação de serviços bancários básicos como saques e depósitos para clientes do Banco do Brasil. A medida seria tomada diante dos ataques freqüentes aos correspondentes bancários em todo o estado.

A medida também afetará a Paraíba. A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos publicou a extinção de 72 postos de vigilância em diversas cidades da Paraíba, sob alegação de déficit orçamentário. Entre os postos, está o da cidade de Nova Floresta, Curimataú paraibano. Com a ação, as agências deverão suspender também o serviço de Banco Postal.

O Ministério Público Federal da Paraíba (MPF-PB) também pediu a suspensão dos serviços no estado. À Justiça Federal, o MPF destacou que o pedido é motivado pelos casos de explosões e assaltos nas agências dos Correios e pela falta de segurança nas cidades do interior do estado.

Imagem: Reprodução/Facebook

Postar um comentário

0 Comentários