Projeto polêmico de readequação do ISS volta à pauta da Câmara de Picuí


O polêmico projeto de readequação do Imposto Sobre Serviço (ISS) da cidade de Picuí, Seridó paraibano, volta a pauta da Câmara Municipal. O PL foi reapresentado na sessão desta terça-feira (24) pela bancada de situação e deverá ser votado na próxima sessão.

Contudo, os vereadores da bancada de oposição pedem ao prefeito o cumprimento de um desafio imposto pelos mesmos, de que só aprovariam o PL com o envio, por parte do Executivo, do projeto que aumenta os salários dos servidores municipais.

“Para ser votado rápido basta o executivo cumprir sua missão, promessa e palavra, e enviar os projetos dos aumentos dos servidores. E então, votaremos em sessão extraordinária até segunda pela manhã para o município não perder mais receita e o município e servidores serem beneficiados”, diz uma nota compartilhada pela bancada de oposição.

Inicialmente, o projeto de readequação do ISS foi reprovado pela bancada de oposição, contudo o mesmo foi reapresentado com as alterações sugeridas pelos vereadores oposicionistas, que taxa apenas bancos, cartórios, cartões de crédito e planos de saúde. Os parlamentares esperam votar os dois projetos em bloco.


Ao compartilhar as matérias do Blog do Flávio cite a fonte, pois o mesmo tem redação própria. Apesar de criar seu próprio texto, quando usa informações da imprensa local as fontes também são mencionadas. Vamos juntos fazer uma mídia séria e com respeito aos profissionais.

1 Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem