O que você procura?

Frei Martinho: município tem olhar especial para o setor mineral

23/12/2017


O município de Frei Martinho, vem se tornando referência em extensionismo mineral na região do Seridó Paraibano, por meio do apoio da prefeitura municipal que tem dado prioridade a este segmento. O Prefeito Aido e o vice Tião têm tido uma atenção e um olhar especial para esta atividade, sempre estão participando de eventos e atividades que abordam a temática na busca de melhorias para este setor que tem grande representatividade econômica no município.

Em julho deste ano o prefeito Aido e o vice Tião estiveram participando do seminário nacional comemorativo ao dia nacional do garimpeiro realizado na cidade Junco de Seridó, na oportunidade deles assinaram junto com outros prefeitos uma carta com reivindicações para melhoria da atividade no estado, que foi encaminhada ao Governo do Estado.

A carta reivindicou ao governo maior rigor na fiscalização, por parte da Receita Estadual, no escoamento da produção e medidas para minimizar a sonegação e evasão de divisas, por parte das empresas que extraem os minerais nesta região. Preocupado com essa situação após o evento a gestão municipal firmou uma parceria com o Técnico em Mineração, Antônio de Pádua Sobrinho, que está dando um suporte na parte referente às questões tributarias provenientes da mineração no município de Frei Martinho, além de estar  à disposição para colaborar com a restruturação da cooperativa dos mineradores do município a COOPERMINERA, haja vista a  importância que essa instituição tem para o município, principalmente no que diz respeito a legalização da extração no município.

Essa parceria entre a cooperativa e a prefeitura já tem resultados significativos, foi eleita uma nova diretoria da cooperativa composta da seguinte maneira: Expedito Fonseca (Presidente), Francivaldo Araújo ( Diretor Comercia) e Francisco Batista (Diretor Financeiro), que quantificaram o número atual de sócios cooperados, levantaram os bens da COOPERATIVA, e esclareceram os recursos que foram adquiridos por meio dos projetos – EMPREENDER, COOPERAR e PROCASE/FIDA, além de fazerem uma análise financeira da COOPERATIVA.

Recentemente, por meio por meio do projeto de desenvolvimento rural sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú – PROCASE, a cooperativa com o apoio da Secretaria de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia, por meio da antiga Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba, hoje Diretoria de Recursos Mineral e Hidrogeologia da Paraíba, DRMH, iniciou o projeto intitulado: “UNIDADE DE PRODUÇÃO ARTESANAL DE MICA CLASSIFICADA DAS MULHERES DE TIMBAÚBA E QUIXABA DE FREI MARTINHO.”

O objetivo é potencializar a cadeia produtiva mineral, agregando valor à produção de mica e implementado métodos de trabalho com estrutura adequada para o pleno desenvolvimento da atividade, que historicamente faz parte da cultura local, desenvolvendo a economia da região, implantado novas oportunidades de negócios, com métodos de trabalho produtivo, competitivo e agregando valor ao mineral, visando principalmente as mulheres que farão a capacitação profissional e consequentemente da unidade produtiva de mica classificada.

Na última quarta-feira, 20 de dezembro a Cooperativa de Mineradores de Frei Martinho, a COOPERMINERAL, em parceria com a Secretaria de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia, por meio da Diretoria de Recursos Minerais e Hidrogeologia (DRMH), realizou no centro profissionalizante Prefeito Aguitônio Dantas um encontro que debateu a atividade mineral no município de Frei Martinho.

O encontro contou com a presença do Diretor da Diretoria de Recursos Minerais e Hidrogeologia (DRMH), Marcelo Falcão e do Engenheiro de Minas José Soares Brito, além do prefeito Aido Lira e do Vice Tião Pinto, reunindo garimpeiros, estudantes e pessoas ligadas ao setor mineral do município e região, na oportunidade foram mostrados os avanços alcançados pela cooperativa e os projetos que serão desenvolvidos em 2018,dentre elas parcerias com empresas de mineração que possuem áreas registradas no município que farão contratos com a cooperativa  para que a mesma possa extrair minérios dentro da legalidade,  trazendo ganhos para as  questões sociais , ambientais e tributárias do município, além da parte prática do projeto do Procase.

Reunião no Centro Profissionalizante sobre o tema



Setor Mineral em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018. Blog do Flávio Fernandes.
Creative Commons License