O que você procura?

Entre pessoal e diárias, Olivânio elevou gastos em quase R$ 400 mil, em 2017

10/03/2018



Que Olivânio (PT) fez sua campanha prometendo moralizar a gestão municipal da terra da carne de sol, isso é fato. No entanto, ninguém esperava que o ‘liso’, como o mesmo foi intitulado nas eleições de 2016, mudasse tanto da água para o vinho como aconteceu em seu primeiro ano de gestão.

A incompetência administrativa do petista já veio à tona há um bom tempo, graças a sua oposição, que não dorme. Porém, em números reais e com fonte oficial só veio nesta sexta-feira (09), justamente no aniversário da cidade. Olivânio foi desmascarado e teve que engolir um comparativo entre o seu primeiro ano de mandato (2017) e o último (2016) daquele que ele tanto criticou, o ex-prefeito Acácio Dantas (DEM).

Dentre tantos outros absurdos apresentados no panfleto distribuído à população, dois chamam a atenção, aliás, são os únicos que ganham o símbolo de positivo, o sinal de mais. Mas, infelizmente, o aumento não foi de investimento em obras, saúde, educação ou infraestrutura, foram, justamente, nos pontos que o petista mais contestava das outras administrações quando o mesmo bradava moralidade na Câmara Municipal.

Só com pessoal e diárias, o prefeito gastou R$ 358.819,00 a mais que o seu antecessor. Trocando em miúdos, em 2017 o petista gastou R$ 24.901.627,00 com pessoal e R$ 58.644,00 com diárias, enquanto Acácio R$ 24.575.019,00 (pessoal) e R$ 26.382,00 (diárias).

O comparativo assinado pelos seis vereadores da bancada de oposição pegou todos de surpresa e mostrou as duas faces de Olivânio, uma antes e outra depois das eleições. Nas ruas, a frase é uma só: “Quem te viu, quem te vê!”.


Panfleto com comparativo distribuído nesta 6ª

Blog do Flávio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018. Blog do Flávio Fernandes.
Creative Commons License