Investigado por receber propina, Manoel Júnior cai nas mãos de Moro



Investigado por receber propina para favorecer o deputado federal Eduardo Cunha (MDB), o vice-prefeito de João Pessoa e ex-deputado federal Manoel Júnior (MDB) passará a ser investigado pelo juiz Sérgio Moro. O inquérito foi encaminhado ao juiz pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Manoel Júnior teria recebido R$ 100 mil de propina para favorecer Eduardo Cunha na eleição para a presidência da Câmara dos Deputados, conforme delação do ex-executivo da JBS, Ricardo Saud. As informações são do Polêmica Paraíba.

Blog do Flávio

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem