Após trégua, João Pessoa registra 4 homicídios em 2 dias

05/01/2020


Após uma trégua de 17 dias, a cidade de João Pessoa registrou 4 homicídios em dois dias. De acordo com o delegado Carlos Othon, da Delegacia de Crimes Contra Pessoa de João Pessoa (DCCPes), o último período sem mortes violentas na Capital foi de 11 dias, tornando esse novo intervalo de tempo um recorde.

O primeiro crime aconteceu no Bairro Valentina de Figueiredo, no final da tarde da última sexta-feira (03). Um homem foi morto a tiros dentro de uma residência. A suspeita da polícia é que o crime tenha relação com pistolagem no Sertão do estado. Quatro suspeitos foram presos.

Já na madrugada do sábado (04), outro homicídio foi registrado. O corpo de uma mulher foi encontrado com marcas de tiros na Rua Major Rodolfo Augusto Athayde, nas Trincheiras, dentro de uma escola abandonada. O crime teria acontecido na madrugada. Ainda não há informações sobre autoria e motivação do crime.

O terceiro homicídio aconteceu dentro de uma mata, no Bairro de Mangabeira. O corpo de um adolescente de 13 anos foi encontrado por volta do meio dia deste sábado (04) ao lado do Presídio Silvio Porto. Segundo a PM, o corpo apresentava um disparo de arma de fogo na cabeça.

O último caso, foi na noite deste sábado (04), no Bairro Costa e Silva. O encanador Francinaldo Moura dos Santos, 29 anos, foi morto com dois tiros nas costas em frente a própria residência, onde morava com a família. De acordo com a polícia, a vítima não era envolvida com o mundo do crime.

Na Grande João Pessoa

Na cidade de Bayeux, região Metropolitana de João Pessoa, ainda na noite deste sábado (04), um jovem de 19 anos também foi morto a tiros. O crime aconteceu em uma feira livre que fica no Bairro Imaculada. O jovem é filho de um comerciante da cidade. Ainda não há informações sobre as circunstâncias do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Copyright © 2018. Blog do Flávio Fernandes.
Creative Commons License